Cerca de 99.4% dos Clientes do Luanda Medical Center estão satisfeitos com o centro médico

Segundo o relatório do 1º ano de actividade do centro, divulgado à Imprensa no passado dia 31 de Março do corrente ano.

O Luanda Medical Center encerrou as actividades comemorativas do seu primeiro aniversário. Para além das campanhas, acções de responsabilidade social interna e externa, a Instituição decidiu partilhar os números, bastante animadores, referente ao exercício económico 2015-2016.

Numa apresentação feita pelo Director Geral da Instituição, Michael Averbhuk, ladeado por Ener Magalhães, accionista do projecto, revelou-se que 99.4% dos Clientes estão satisfeitos com os serviços e recomendam a amigos e familiares.

Estes Clientes são provenientes de diversos mercados, desde o privado ao empresarial passando a sua maior fatia de mercado pelas seguradoras, uma vez que a Instituição estabeleceu um protocolo com todas as Seguradoras Nacionais e algumas estrangeiras permitindo assim um atendimento transversal e abrangente. “Todos podem ser “Cliente Luanda Medical Center, referiu o responsável desta unidade de saúde.

No que toca aos exames e procedimentos, o Centro que foi idealizado para prestar cuidados de saúde de excelência à população de Luanda, realizou 19.031 intervenções invasivas, 8.764 estudos de imagiologia e 91.493 espécies foram testados em ambiente de laboratório.

De acordo com Michael Averbukh, o centro fornece serviços de saúde que seguem os padrões internacionais, focando-se em diagnósticos de alta qualidade e procedimentos de ambulatório minimamente invasivos.

Durante a apresentação do relatório e numa altura em que o país enfrenta graves problemas de saúde com o surgimento da febre amarela e paludismo, os convidados aproveitaram o momento, não só para elogiar os serviços da LMC, mas para se inteirarem sobre os projectos virados para solução dos problemas que o sector da saúde enfrenta actualmente.

Em perspectiva

Do plano de expansão do Luanda Medical Center para este ano e próximos, fazem parte as Clínicas Satélite em zonas como Luanda Sul, Benguela, Huambo e Cabinda.

Ainda no âmbito dos seus projectos para o futuro próximo, é de realçar o lançamento de pacotes de gravidez e maternidade, o rastreio neonatal e plano de acompanhamento infantil.

O Luanda Medical Center conta com uma vasta equipa de profissionais. O investimento na formação é crucial e tem sido uma aposta forte. Durante o ano do exercício económico em referência, 7.758 horas foram investidas em formação.

O LMC conta com uma carteira de 38 médicos, 58 enfermeiras, 73 áreas operacionais, 13 equipas de suporte, oito gestores e conta durante este ano continuar com os processos de recrutamento e formação de quadros angolanos e estrangeiros.

O certame contou com a presença de mais de 25 convidados entre directores e chefes de redacção dos diferentes órgãos de comunicação do país.

Os convidados questionaram, por exemplo, os preços dos serviços prestados e as estratégias que o centro poderá adoptar para manter o mesmo nível de qualidade de serviço com a célere expansão dos seus serviços durante os próximos tempos.

Sobre o LMC

O Luanda Medical Center existe desde Fevereiro de 2015. Oferece uma vasta gama de meios complementares de diagnóstico em Angola, desde RMI, TAC, Raio-X digital, Ecografia, Câmara de Cintilação Gama, Densitometria óssea, entre outros. O seu objetivo é prestar a mais de 24 milhões de habitantes, excelentes serviços de saúde personalizados, globais e abrangentes dentro de uma cadeia de saúde, desde a prevenção, diagnóstico e tratamento.